<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d9212881\x26blogName\x3dCINDERELLA\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://liscinderella.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://liscinderella.blogspot.com/\x26vt\x3d316193502446059466', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

CINDERELLA

Ainda pior que a convicção de um não, é a incerteza dum talvez, e a desilusão dum QUASE. Quem quase ganhou, ainda joga, quem quase estudou, ainda estuda, quem quase amou, não ama. É o quase que me incomoda, que me entristece, que me mata, trazendo tudo que poderia ter sido, mas não foi...

outubro 28, 2006

MULHER

Não é a coragem que me faz avançar, é a necessidade de buscar a felicidade, o desejo de ser mais do que simplesmente alguém que gasta os seus dias e não faz uso das suas horas. Não sou guerreira, nem mais forte, nem mais fraca, ou mais frágil que outra pessoa!
Sou alguém que planta, ceifa e colhe.
Sou alguém que não desiste, mesmo se parece ser o fim da estrada! E se fosse o caso, eu abriria um novo caminho e caminharia por ele de cabeça erguida. Porque para mim a VIDA é bem mais que aceitar caminhos todos feitos e por eles caminhar. A minha vida tem sido uma luta constante, mas vou continuar a lutar.
Desistir ???? Jamais !!!
Sou uma mulher e o meu arco iris ainda vou encontrar,
SOU MULHER .

4 Comments:

  • At 02 novembro, 2006 22:16, Blogger Å®t_Øf_£övë said…

    Lis,
    Gostei de ler este texto, quer pela energia que demonstras, quer pela decisão e força que transportas nas palavras.
    Gosto de ouvir dizer que desistir... nunca, jamais.
    Gosto de sentir esperança nas palavras, e na vida. Afinal nunca devemos aceitar de braços cruzados que a estrada chegou ao fim, e muito menos aceitar os caminhos que nos indicam. Temos que ter sempre força para sermos nós a escolhermos os caminhos que queremos traçar e percorrer, sejam eles os certos, ou os errados aos olhos dos outros.
    FORÇA.
    Beijinhos.

     
  • At 04 novembro, 2006 16:38, Blogger pensamentos said…

    Olá Liz,

    Já não vinha cá à muito tempo.
    Gostei do teu texto, e espero que realmente a palavra desistir não faça parte das tuas ideias, porque como sabes, a deusa da minha vida, ninca o fez... e por isso daqui mando te o beijo da força, para que o teu arco-iris reapareça na tua imagem...

    Beijinho

     
  • At 01 dezembro, 2006 18:09, Anonymous Maria said…

    Gostei de ler o seu texto, gostei deste simpático eagradével lugar.Beijinho.

     
  • At 22 dezembro, 2006 14:57, Blogger Nefertiti said…

    Lis,
    Desejo-te um Feliz e Santo Natal.
    Que sejas presenteada com os mais valiosos tesouros: Paz, Felicidade e muito Amor!
    Um beijo.

     

<< Home